MENU

by • agosto 28, 2013 • ResenhasComments (36)2990

[Resenha] Gélido, de Tess Gerritsen

Era uma viagem de negócios como outra qualquer. Maura Isles estava em um congresso de médicos quando reencontra o extrovertido Doug, ex-colega de faculdade. Abalada por um problema pessoal acaba aceitando partir para um hotel aconchegante acompanhado de Doug, a filha, e dois amigos.

O final de semana tinha tudo para ser divertido, até o momento em que o grupo pega um desvio errado e acaba no meio do nada ameaçados por uma nevasca. Sem perspectivas, Maura acaba encontrando uma estrada particular que os leva direto a um conjunto de casas onde eles descobrem existir uma cidade desabitada, aparentemente abandonada às pressas. Sozinhos e cansados, o grupo não vê outra opção senão permanecer ali. Mas será que estão sozinhos mesmo?

A sinopse da história lembra aqueles típicos filmes de suspense. Isso, a citação do Stephen King na capa e a minha queda por thrillers foi o conjunto irresistível que me chamou atenção para o livro. A narrativa da Gerritsen possui o tipo de fluidez ideal para suspenses. Rápida e convincente.

A protagonista é legista, e a autora, que também já foi médica, mostra que tem conhecimento na área e sabe do que está falando o que no enredo é essencial. O foco está voltado para duas personagens, o núcleo que envolve o universo da Maura, e o da sua amiga detetive Jane Rizzoli que após o seu desaparecimento começa a investigar o caso.

Eu estava tão mergulhada no mistério da cidade abandonada que toda vez que o ponto de vista era alternado para o mundo exterior queria que passasse logo. No entanto, as partes da Rizzoli começam logo a ganhar tanto destaque quanto, e são igualmente interessantes, principalmente porque sabemos um pouco mais do que ela, mas, ao mesmo tempo, ainda estamos no escuro em relação a muita coisa.

A autora também soube cortar muito bem nos momentos chaves. Gélido é facilmente dividido em duas partes e, à medida que o clímax da primeira vai sendo atingido, ela desvia a nossa atenção, nos apresenta uma grande surpresa, para depois nos deixar confusos sobre o que de fato aconteceu. Claro que tudo vai ser explicado no seu devido tempo.

As surpresas, no entanto, continuam até as últimas páginas do livro. E embora seja uma situação completamente atípica, achei as explicações plausíveis na medida do possível, apesar das minhas dúvidas sobre determinadas decisões, e tristeza por certo acontecimento.

Gélido é o oitavo livro da série Rizzoli & Isles. Os romances, no entanto, são completamente independentes e podem ser lidos em qualquer ordem. A autora é bestseller no New York Times, fato compreensível após a leitura. Tirando este como exemplo, seus livros impelem o leitor a continuar, nos deixando sempre curiosos para saber quais segredos e revelações nos aguardam no próximo capítulo.

Título original: Ice Cold
Editora: Record
Número de páginas: 368
Gênero: Thriller/Suspense
Cedido em parceria com a Record

Related Posts

36 Responses to [Resenha] Gélido, de Tess Gerritsen

  1. Tiago Vieira disse:

    Oi Duda, bom dia!

    Não costumo ler livros de suspense ou thrillers, mas gostei da sua resenha apresentando os pontos chaves do romance.
    Gosto de livros narrados em mais de um ponto de vista, pois nos permite observar o cenário em uma visão mais ampla. As vezes ficar parado só com um personagem estraga um pouco.

    Os outros romances dessa ´serie também devem ser ótimos, e até que podiam fazer uma série pra TV baseados nesses livros de suspense, pois filmes, na minha opinião, as vezes não são muito aproveitados no cinema, mas sim em ´series televisivas.

    Parabéns pela resenha! Até a próxima!

  2. Quando li que os personagens do livro acabariam parando em uma cidade fantasma, adicionei o livro à minha lista de desejados na hora! dsjkdljfkljfsdklf amo amo amo livros com esses estilo de suspense, sobrenatural talvez, e o livro me pareceu uma boa pedida para quem ama a junção desses dois fatores. Você com sua escrita sempre impecável acabou me deixando doida para ler o livro. Espero lê-lo em breve, adorei a resenha Duda 🙂 obrigada pela dica!

    • Eduarda Menezes disse:

      Oi Lore,
      O livro é suspense, mas não é sobrenatural. Eu mencionei o fantasma no sentido de abandonada rs Mas ficou meio dúbio mesmo, por isso vou consertar!
      Obrigada pelo comentário!

  3. Talita Sodré disse:

    Oi Duda
    Acho que nunca li nada parecido, mas me parece um ótimo livro. Gosto desses livros que não nos deixa parar de ler..rs
    Interessante o fato de poder ser lido de forma independente. Acho que isso ajuda muito pois eu ando meio sem paciência para séries….rsrs
    Ótima resenha =)

    Beijos !!

  4. Oi Duda, apesar de gostar de suspense não é um tipo de livro que eu leio sempre ( vai entender né?), mas essa sua resenha me deixou completamente louca para ler Gélido. Na verdade só o o pequeno resumo que você fez da estória me convenceu logo de cara haha Espero gostar tanto quanto você. Beijos,
    http://rehabliteraria.blogspot.com.br/

  5. Oi Eduarda!
    É a primeira resenha que leio sobre Gélido, e já posso dizer que estou morrendo de curiosidade em relação ao livro! Gosto muito de histórias de suspense e o livro me lembrou muito as obras do Harlan Coben, as quais nos deixam curiosos, nos envolvem totalmente na trama, para no final nos deixar boquiaberta com o desfecho e a simplicidade do acontecido… (mas que não conseguíamos enxergar de maneira nenhuma, por mais simples que fosse…
    Enfim, Gélido parece ser um livro excelente e com uma história incrível e que tenho certeza, vai me prender do início ao fim! =D
    Beijos!

  6. A capa cairia muito bem naquela coluna da Aione “Parece, mas não é”. Eu tinha pensado em algo com distúrbios alimentares. Juro! Mas aí sua resenha me diz que é um belo suspense e eu fico super curiosa! No geral, não me dou bem com série fora de ordem, mesmo que isso não interfira na leitura. Acho interessantíssimo quando um autor usa um pouco da sua experiência – ou do seu conhecimento, digamos – na construção de algo da trama porque daí ele não foge do que é verossímil.
    Geralmente, os suspenses têm tramas – ou acontecimentos – paralelas e apenas um nos prende. Que bom que a autora conseguiu abrilhantar ambos os lados.

    Não sei se chegou a me deixar tão curiosa de verdade, leria se ganhasse, mas tem tanta coisa aqui esperando… rs.

    Beijocas!

  7. Natália Keli disse:

    Oi, Duda
    Li dessa autora Corrente sanguínea e achei muito bom. Ela sabe como prender o leitor e sempre tem alguma coisa acontecendo no decorrer da história.
    Beijo

    http://allmylifeinbooks.blogspot.com.br/

  8. Depois de ver seu vídeo sobre suas leituras, confesso que fiquei bem curiosa para ler esse livro. Obrigada pela ótima indicação!!!
    Adoro um suspense como esse!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

  9. Ceile disse:

    Nossa, Duda, essa coisa de um grupo parar numa cidade, aparentemente, abandonada me lembrou o filme A Casa de Cera – ok, este livro me parece muito mais grandioso que isso, mas já fiquei absolutamente curiosa pra conferir Gélido (a capa é linda <3).
    Ainda sou inexperiente com suspenses e thrillers, mas espero mudar isso logo e ser surpreendida por livros como esse.

    Beijos!

  10. Ufa! Cheguei na última postagem que faltava eu comentar no blog. E como não ficar feliz ao encerrar essa maratona justamente com um livro que me interessou por uma série de motivos? Um thriller, com essa pegada dos filmes de suspense e cheio de surpresas é mais do que suficiente para ir parar na minha lista de desejados. O que fiquei curioso é em saber mais sobre essa série, que não conhecia, e do que pode se tratar os demais livros. Aliás, eles já foram lançados no Brasil?

    Parabéns pela resenha, Duda. Como sempre conseguiu despertar meu interesse.
    Beijos!

  11. Tâmara Moya disse:

    Oi Duda

    Livro elogiado por STEPHEN KING? How, how, how! Bingo!
    O livro parece ser fantástico, cheio de suspense, medo, terror e reviravoltas. Fiquei pensando se existe uma mescla sobrenatural no livro… A autora soube com maestria abordar o fanatismo religioso.
    A capa combina perfeitamente com tema e realmente passa a sensação de algo frio e assustador.
    Ótima resenha Duda. Quero muito ler. Vou add a minha lista.
    Bjus

  12. Cris Aragão disse:

    Eu adoro trillers e também sou super fã de Stephen King. Tramas intrincadas e cheias de mistério e tensão sempre chamam a minha atenção e mesmo que o final seja um pouco implausível eu nem ligo muito, gosto assim mesmo.

  13. Já havia visto esse livro e lido sua sinopse, mas ainda não havia lido a resenha sobre ele. Agora, lendo a sua , pude tirar minhas dúvidas e ter a certeza que o livro é muito bom . Adoro suspense e a história da cidade abandonada me despertou a curiosidade. Vou ler sim.

  14. Quero muito ler esse livro, ele realmente chamou muita a minha atenção!!!!!! Espero que ele seja tudo que eu esteja imaginando

  15. Tainara Alves disse:

    Que legal!Adorei a história do livro,já tinha visto a capa desse livro,que achei bem impactante,mas não tinha lido nada sobre ele ainda.
    Gostei muito,apesar de ser o oitavo livro,que me entristeceu um pouco,mas como você disse que não impede a ordem de ler os livros,me aliviou um pouco.
    Adoro suspense e espero que possa um dia ler esse livro,que me parece prender do começo ao final..
    Bjs’

  16. Suzi disse:

    Não conhecia o livro e me interessei muito pela resenha..Nada com um bom suspense apesar de ficar super aflita nesses tipos de livro rsrsrs
    E que capa maravilhosa hein!!
    Com certeza pretendo ler!!
    Bjus

  17. Adorei a resenha Duda! vc pode visitar meu blog e comentar lá também? http://blogliterariopalavrasaovento.blogspot.com.br/
    Obrigado querida!

  18. Você disse um bom suspense??
    Pela sua descrição é um maravilhoso suspense.
    Com certeza quero ler !!

  19. Adoro livros de suspense, só de ler a resenha já imaginei na minha cabeça a nevasca. Nunca li nada assim. Mas já se tornou desejado

  20. Ja vi muitos comentários bons sobre esse livro, estou com muita vontade lê-lo! Adoro esse tipo de suspense e trama parecer ser super bem desenvolvida.

    herdeiradelivros.blogspot.com.br

  21. Esse livro me pareceu ser um tipo de terror, e MEU DEUS, eu fiquei muito afim de ler. Já até anotei o nome do livro aqui, porque nem que seja em e-book (o que não gosto) eu lerei esse livro o mais breve possível HAHAHAHA. E Duda, aproveitando a oportunidade para parabenizá-la pelas ÓTIMAS resenhas que tu faz, não teve uma até hoje que me decepcionou e todas me deixaram MORRENDO de vontade de sair correndo e ir comprar o livro. Até teus vídeos onde tu fala do livro, sem ao menos ter lido ele ainda, já me proporciona esse sentimento. De verdade, parabéns!

    Roberta Krutzmann | Krutzmann

  22. Maíra K. disse:

    Não tenho o costume de ler livros de suspense ou thrillers. Entretanto, adoro livros que tenham mais de um ponto de vista, acho que a leitura flui muito mais e corre menos o risco de enjoar!

  23. Ingrid Sodré disse:

    Olá, Eduarda! Primeiramente, parabéns pelo layout do blog, lindo, simples e organizado.
    É a primeira resenha desse livro que leio, até porque não o conhecia. Adoro thriller, o mistério por trás das histórias faz com que a leitura seja prazerosa, uma vez que a curiosidade é atiçada. Acho extremamente interessante histórias que envolvem cidades abandonadas, porque desperta uma vontade muito grande de entender a razão por ter acontecido. Esse foi o aspecto da sinopse que mais me chamou atenção, confesso. Assim que tiver oportunidade, procurarei lê-lo.

  24. Adoro livros de suspense, e sua sinopse me deixou muito curiosa com o desenrolar da estória,

  25. Thaysa Rocha disse:

    Logo quando li a seguinte passagem:

    “A sinopse da história lembra aqueles típicos filmes de suspense. Isso, a citação do Stephen King na capa e a minha queda por thrillers foi o conjunto irresistível que me chamou atenção para o livro.”

    Já sabia que iria me apaixonar também!!

    Adoro histórias de suspense.

    Beijos

  26. Resenha bem escrita abordando o conteúdo de forma simples e inteligente, facilitando o entendimento e despertando o interesse dos leitores.

  27. Adorei o livro, como todo bom suspense o clima é sempre frio o que deixa um gostinho de curiosidade e um frio na espinha.
    Um beijo

  28. Manu Hitz disse:

    Cada vez mais gosto de suspenses, especialmente aqueles que exigem do leitor certo raciocínio, ligando fatos e armando o quebra-cabeças proposto pela autora. Gostei desse clima tenso, a narrativa bem dividida e personagens interessantes. Além da investigação, para testar minha capacidade detetivesca, haha.

  29. Ótima resenha, adoro este tipo de livro, já adicionei em minha lista de desejados.

  30. Shadai disse:

    Não conhecia esse livro, e essa resenha me deixou com muita vontade de lê-lo.
    Adoro thrillers também, e esse tem muito cara de ótimo filme de suspense. Só que no filme não haveria história paralela para “atrapalhar”. Mas em livro isso funciona para abranger mais elementos para conhecermos o todo e também lógico para “cortar” o suspense crescente e com isso ficar tudo mais misterioso.
    Tomara que um dia eu possa ler alguma obra dessa autora.

  31. Adoro ler livros de suspense e acho que vou amar ler esse livro. Gostei muito da sua resenha. parabéns.

  32. Willian disse:

    Ouvi bons comentários sobre esse livro e depois dessa resenha simples e objetiva, minhas expectativas aumentaram, vale a pena conferir.

  33. Raíla Soares disse:

    Sou muuuuito suspeita pra falar sobre os livros de Tess Gerritsen, sou fã! Pelo que entendi essa foi sua primeira leitura, e de cara recomendo O Cirurgião. Foi o primeiro livro dela que li, fazendo eu não conseguir mais parar. Também é o primeiro da série! E, apesar de não ser necessário seguir a ordem dos livros, é legal para você acompanhar a vida dos personagens, que adoro. 🙂

    • Eduarda Menezes disse:

      Quero muito ler outros livros dela, Raíla!
      Essa foi a minha primeira leitura, mas depois desse já li o subsequente na série “A garota silenciosa”. Depois quero retornar para esses mais antigos. Obrigada pela dica! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *