MENU

by • abril 19, 2015 • ResenhasComments (84)15340

[Resenha] Eu, Robô, de Isaac Asimov

Lançado em 1950, Eu, Robô reúne vários contos escritos pelo Asimov em anos anteriores e publicados, na ocasião, em revistas de ficção científica. Organizados em ordem cronológica, o livro apresenta um panorama geral sobre a ocupação e desenvolvimento dos robôs na Terra, desde seu início, quando ainda eram máquinas bem primitivas, até grandes avanços científicos tornarem-nos quase indistinguíveis de um ser humano.

Eu robôContado a partir da experiência da psicóloga roboticista Susan Calvin, a personagem, já idosa, relembra alguns casos que vivenciou ou ouviu falar ao longo da carreira. Os nove contos do livro abordam impasses, problemas ou complicações no uso de robôs, seja na Terra ou fora dela. As famosas leis da robótica (que surgiram exatamente nessas histórias) estão muito presentes no desenvolvimento de tais tramas e adquirem contornos desafiadores onde os personagens são geralmente confrontados com situações difíceis, tendo que encontrar uma solução para elas.

De um robô que lê mentes a um que torna-se fanático religioso, passando por outro que deliberadamente engana seres humanos, as problemáticas trazem desafios que incitam o duelo mental entre seres humanos e robôs numa batalha constante pela superioridade mental. Esses impasses estimulam uma competição saudável em busca da melhor solução e evidenciam a importância (e também maleabilidade) das leis da robótica.

Eu Robô (6)

” – (…) Comecei com a única suposição segura que senti que me era permitido fazer. Eu existo porque eu penso…
– Por Júpiter, um Descartes robótico! – resmungou Powell.”

É extremamente interessante acompanhar o início de vários aspectos que seriam desenvolvidos posteriormente nos romances da série Robôs. Apesar do universo em comum, as histórias estão separadas por um longo período de tempo, e em alguns contos percebemos vislumbres do caminho que a humanidade iria tomar, mostrado em As Cavernas de Aço e livros posteriores.

Eu Robô (4)

Com pequenas histórias que formam um quadro bem completo do surgimento e uso dos robôs pelos homens, é praticamente certo que os contos irão agradar a qualquer fã ou mesmo curioso do gênero sci-fi. Você pode até gostar mais de alguns do que outros, mas todos possuem a fascinante característica de nos colocar diante do desconhecido, de uma mudança de quadro em que os humanos devem se resignar a dividir o espaço com criaturas superiores em quase todos os aspectos, exercer o seu controle e manuseá-las para o bem.

“Sua ciência é apenas um conjunto de dados coletados entrelaçados por uma teoria provisória… e é tudo tão incrivelmente simples que mal vale a pena se preocupar. É a sua ficção que me interessa. Seus estudos sobre a interação dos motivos e das emoções humanas.” 

Título original: I, Robot
Editora: Aleph
Número de páginas: 320
Ano: 1950 (esta edição: 2014)
Gênero: Ficção científica/Contos
[rating: 5/5]
Cedido em parceria com a Aleph

Robot Series:

1. Eu, Robô (1950)
2. As Cavernas de Aço (1953)
3. O Sol Desvelado (1955)
4. The Robots of Dawn (1983)
5. Robots and Empire (1985)

Eu Robô (5)

Related Posts

84 Responses to [Resenha] Eu, Robô, de Isaac Asimov

  1. Duda,

    Eu achei o livro muito lindo. Adoro a diagramação de praticamente todos os livros da Aleph.

    Nunca li nenhum livro do gênero, por incrível que pareça eu não me interesso muito, apesar de adorar tecnologia e coisas relacionadas.

    Vou colocar na minha listinha e “expandir os horizontes”. Haha

  2. Nessa disse:

    Oi Duda
    Acho que já falei aqui que estou cada vez mais curiosa para ler os livros deste autor, e tudo graças a você.
    Esse livro está lindo demaisss, amei as fotos!!
    Inclusive tem este livro aqui na biblioteca que eu trabalho, mas é uma versão bem mais antiga, tenho vontade de ler e quem sabe depois adquirir.

    Adorei o vídeo e a resenha!!
    Beijos

  3. Duda,

    Eu preciso dizer que acompanho o seu canal há um bom tempo, e graças a você comprei esse livro na Páscoa e agora quero MUITO ler ele.
    Talvez eu passe ele na frente de todos os outros livros da TBR Jar!

    Super beijos

    • Eduarda Menezes disse:

      Obrigada pelo carinho, Gio ♥
      Espero que aproveite bastante a leitura 😀 Depois me conta o que achou! beijão

  4. Sempre quis ler os livros de Asimov, por isso conheço bem pouco. Eu sempre entrava em um sebo no caminho pra faculdade eu via esse me paquerando, mas nunca dava pra comprar hahaha.

  5. Danielle disse:

    Quero muito ler alguma coisa do Asimov. Acho que vou começar por esse =D

  6. Carolina disse:

    Duda, você acha que é bom começar a ler Asimov por esse livro?
    (adoro seus vídeos e resenhas!!)

  7. Dafne Sobral disse:

    Duda, que edição linda! Eu amo Asimov mas ironicamente esse foi um dos livros dele que eu não li, os textos dele são fáceis de ler mas muito instigantes, os contos devem ser excelentes 🙂
    Beijos

  8. lia disse:

    Eu sempre achei que “eu robô” fosse um livro, não um conto. Mas se eles falam do surgimento de robôs e da relação do robô com o homem… deve ser MUITO BOM!!! Estou louca pra ler!

  9. Nunca li algo que envolva robô mas esse com toda certeza entro para a minha lista de desejados.

  10. Roan disse:

    Duda,

    Achei ótima a resenha do livro, não cheguei a ler o livro, mas já li sobre, sei que é um dos maiores livros de sci-fi que existe. Não conhecia os outros livros vou procurar lê-los. Asimov foi um visionário ao criar as leis da robótica, muito utilizadas em hq’s como do superman e até no filme de mesmo nome “baseado” no livro Eu, robô.

    • Eduarda Menezes disse:

      Super visionário mesmo! Não sabia que as leis da robótica foram utilizadas nas hqs de Superman. Interessante!

  11. Gabriela disse:

    Ficção Científica envolvendo robôs, só li K.Dick ( androides sonham com ovelhas elétricas) e gostei bastante. Espero gostar de Isaac Asimov, tanto quanto. Mas pelo que vi nos seus vídeos e resenhas bem provável que isso aconteça mesmo. 😀

    • Eduarda Menezes disse:

      Eu adoooooro “Androides sonham…”. Livro sensacional! Acho que você vai gostar bastante de Asimov também =)

  12. João Marcelo disse:

    Essa edição tá muito caprichada. Não tem jeito, vou ter que comprar ^^

  13. Rudynalva disse:

    Duda!
    Na minha infância tive contato com os contos do Isimov e fiquei fascinada em poder conhecer a verdadeira ficção… Imagina um escritor dos anos 40 escrever sobre robôs e tudo que gira em torno da fantasia.
    Até hoje sou totalmente fascinada pela mente geniosa dele.
    Eu Robô é ainda melhor porque da vida a uma máquina.
    “A angústia é o primeiro sentimento negativo que vem do coração por falta de propósitos espirituais.” (Helgir Girodo)
    Cheirinhos
    Rudy

  14. Ingrid disse:

    conheci esse livro na biblio da escola que trabalho

  15. Amei a capa deste livro. Bem original. Espero que me agrade também. Não sabia que se tratava de contos. Mas achei a ideia bem legal. Vou ver se consigo ler também. Quero conferir cada conto nele.
    Beijos.

  16. Pelo jeito é totalmente diferente do filme O.o Mas acho que vou gostar , essa estrutura de livro montada em contos me lembrou As crônicas Marcianas que eu por acaso amei. To ansiosa pra ler.

    Beeijos

    • Eduarda Menezes disse:

      É diferente, mas muito melhor haha Apesar de eu gostar do filme também!
      As Crônicas Marcianas é incrível <3 E foi uma boa analogia porque também são várias histórias isoladas que seguem uma mesma cronologia.
      beijos

  17. Fernanda disse:

    Estou doida para ler esse livro ❤

  18. Rodrigo Viny disse:

    A diagramação do livro é de deixar a boca aberta! Eu sempre via todo mundo ganhado esse livro e falando sobre, pensava que era o livro que deu origem ao livro ‘Eu, Robô’ que é um dos meus favoritos, só agora que fui ver que era uma compilação de contos. Mas pelo que vi deve ser bastante interessante, ver a visão de contos escritos a quase 70 anos atrás sobre os robôs!

    • Eduarda Menezes disse:

      A diagramação é linda e o conteúdo não fica atrás! Ele foi o livro que inspirou o filme, mas foi apenas levemente baseado, não é exatamente aquela história. Eu até gosto do filme, mas o livro é infinitamente melhor!

  19. Havia perdido um pouco a vontade de ler o livro depois que assisti ao filme com o Will Smith, mas essa postagem e o vídeo me reanimaram. Com certeza, lerei.

    Ótima resenha!

    • Eduarda Menezes disse:

      Não tem nada a ver com o filme, Jônatas! Você só vai encontrar alguns nomes de personagens em comum (e o título). rs
      Obrigada! Espero que curta =)

  20. Elaine disse:

    Parabéns pela resenha! Que livros lindo! Entrou para minha lista. bjs.

  21. Ótima resenha! Completa e clara, tanto em vídeo quanto escrita. Deu até ainda mais vontade de ler a série (que eu não sabia que era uma série, hahaha).

  22. Max disse:

    Sou fã a muito tempo de Isaac Asimov e comecei a ler suas obras justamente por esse livro. É muito bom. Recomendo a todos.

  23. Ollie Sousa disse:

    Duda, adorei a resenha e estou torcendo muito para eu ganhar o sorteio. Assim poderei ler esta obra… amo a editora Aleph e imagino que o livro deva ser ótimo!

  24. Ótima resenha, to muito interessado nesse livro.

  25. Thaís Dória disse:

    Amei a resenha, tanto em texto como em vídeo. Li alguns contos e gostei bastante, pretendo ler o livro completo ainda.

  26. Renan Santana disse:

    Será lido esse ano ainda. não passa de 2015.

  27. Eu já li um conto desse livro e achei muito interessante. Parabéns pela resenha.

  28. Meu namorado é fã do Asimov e por isso eu acabei conhecendo alguns livros dele (como a trilogia da Fundação que acabei comprando depois de ter lido emprestado dele).
    Ele sempre recomendou Eu, robô, mas como perdeu o livro eu só fiquei na vontade…
    Vontade que aumentou demais depois que essa capa nova da Aleph saiu. É um LUXO!! Cara, tá super lindo o livro e eu nem sou dessas de julgar o livro pela capa. E tô aqui morrendo de inveja desse robozinho da sua estante.
    Sua resenha está ótima, escreve super bem e esse jeito de falar sobre algo sem dar spoiler é uma arte, sério. Gostei demais! Sempre achei que poderia ser um livro chatinho, mas do jeito que você colocou eu estou me coçando para ler.

    • Eduarda Menezes disse:

      É muito bom, Aléxia. Acho que você vai curtir 😀
      A capa está maravilhosa mesmo. Eu até já tinha numa edição mais simples da bestbolso, mas como não querer essa coisa linda? ♥
      Depois conta pra a gente o que achou do livro 😉

  29. Pedro disse:

    Acabei de ler a coleção da Fundação, e mal posso esperar para ler a coleção de Robôs xDD

  30. Shadai Vieira disse:

    Tenho vontade de ler, por ser um clássico, mesmo eu não sendo fã do gênero sci-fi.
    Mas, meu irmão leu e não gostou tanto.
    Pela sua resenha acho que vou achar interessante, bom para expandir um pouco conhecimento científico, e as problemáticas sobre inteligência artificial.

    • Eduarda Menezes disse:

      É um bom livro mesmo pra o leitor que não é acostumado com sci-fi, especialmente as continuações (romances da série) que trazem muito mistério. Espero que curta a leitura! =)

  31. Gente como é lindo este livro a capa e as paginas…
    perfeito!!!

    Vou ter que comprar kk.
    beijos

  32. Mateus disse:

    Adoro isaac, um dos escritores que mais influenciaram minha “vida de leitor” haha

  33. Thiago Roza disse:

    Ótima resenha, me deixou com bastante vontade de ler os livros!

  34. Aru disse:

    Jamais iria imaginar que a obra data de 1950. Achei que era bem recente, fui surpreendida. Já li um conto avuslo que foi publicado na internet, fiquei curiosa para ler o livro todo.

  35. Marina disse:

    Ansiosa para enveredar pelo mundo de Isaac Asimov.Eu, robô será o primeiro, definitivamente.

  36. Não li esse livro ainda, mas a resenha me deixou super empolgada. Vou adicionar a lista e pretendo ler em breve.

  37. Lucia Marina disse:

    Nem sei se posso continuar a me chamar de “leitora”, porque já cansei de ouvir falar de Asimov, conheço sua temática, sei que é o expoente máximo nesse nicho, já vi vários filmes baseados em suas histórias, e no entanto nunca li sequer um livro dele. Como é possível isso? Quando vi essa edição maravilhosa, decidi que está na hora de corrigir essa falha. Vou resolver isso logo!

    • Eduarda Menezes disse:

      Normal, Lucia! A primeira vez que li Asimov foi em janeiro deste ano, mas também tinha muita vontade desde sempre. Acontece =)

  38. Gostei muito do livro!Sou novo aqui no blog,mas como notei que têm um conteúdo muito bom e de qualidade!Gostaria muito de ler,parabéns pelo seu canal e pelo blog!

  39. Duda,
    Eu achei essa capa do livro muito linda, e a forma simples e ao mesmo tempo complexa e elaborada com que Isaac Asimov escreve é simplesmente incrível. Quando li o livro, eu gostei bastante da dinâmica do livro, apesar de preferir o livro “O Homem Bicentenário”. Espero poder ler um dia toda a obra de Asimov e assim poder expandir minha mente um pouco mais. Adorei o seu canal e espero receber as novidades sobre outros autores.

    • Eduarda Menezes disse:

      Obrigada, Nataliana! Muito feliz em saber que gostou do canal. Sempre será bem-vinda =)
      Também desejo muito ler toda a obra de Asimov. Autor fantástico! ♥

  40. Leila Maciel disse:

    Oiii, nunca li Isaac Asimov mas depois dessa resenha pretendo começar!

  41. Duda, de tanto você falar bem do Asimov eu me rendi e resolvi entrar nesse mundo de robôs e ficção científica! rs
    E sempre gostei bastante do assunto também.
    Por enquanto tenho só “Eu, robô”, foi o que eu escolhi pra começar e tô com muita vontade de ler logo, principalmente depois dessa resenha.
    E esse livro tá muito lindo!
    Beijos!

  42. É um livro extremamente interessante,onde uma sociedade robótica vai evoluindo ao decorrer das páginas,além de apresentar uma visão extremamente futura quanto a máquinas ele também deixa essa abertura e imaginação para comparar o futuro da era cibernética com o futuro que parece a ser a nossa atual sociedade.

  43. James Miranda disse:

    Sempre gostei de ficção científica, mas foi com este livro que eu descobri a verdadeira essência do que é este (as vezes tão mal falado) genêro.
    Cada conto melhor que o outro. Asimov acerta na medida em humor em todos os contos.

    • Eduarda Menezes disse:

      Eu AMO o gênero! Acho um dos mais incríveis já criados! Como alguém pode falar maaal? D: Ainda bem que nunca falaram na minha frente hahaa
      Asimov arrasa!

  44. Karine Amaral disse:

    Esse livro tá na minha wishlist faz tempo, adoro ficção científica e todo mundo fala super bem dele!
    Beijos,
    Karine

  45. Fabio Yugo disse:

    Asimov é amor , estou lendo Fundação , e logo me fisgou , uma imaginação e quem sabe uma capacidade de visualizar o futuro incríveis , em 1950 talvez Eu,robô fosse puramente uma ficção científica mas hoje começa a ficar claro que não seja tão fictícia assim , afinal a robótica já se faz presente e adquirindo as formas dos contos

  46. Ei Duda, estou louca por esse livro, até te perguntei pelo face se vinha com o robozinho pra montar, mas infelizmente não vem. Queria que viesse.
    Nunca li nada da editora Aleph, mas tive grande interesse nesse, amei sua resenha e o vídeo dele e me despertou uma vontade enorme de ler, o Isaac Asimov parece ser muito bom.

    • Eduarda Menezes disse:

      Seria legal se viesse mesmoo haha O robozinho é fofo!
      Espero que tenha uma ótima experiência e curta bastante a leitura, Brenda! A Aleph é cheia de livros maravilhosos no catálogo e esse é uma ótima introdução.

  47. Gabriela Dias disse:

    Essa edição tá linda demais!

  48. Ótima resenha! 😀
    Faz muito tempo que desejo ler um livro do Asimov, creio que esse seria um ótimo começo! A capa do livro é linda…

  49. Edna disse:

    Olá, tudo bom?
    Eu achei que era um romance, não vários contos. Deve ser legal ler sobre o avanço das máquinas do jeito que o autor coloca. Achei interessante também o fato de que os robôs terão sentimentos de humanos mesmo. Tenho muita curiosidade por livros do gênero, esse seria um bom começo! (O livro é muito lindo né!?)
    Beijos

  50. É uma obra que tenho na estante e ainda não tive tempo para ler, ganhei recentemente, então, to perdoada rsrs
    Sou iniciante no mundo sci-fi literário mas creio que vou gostar de ler Eu, robô…
    Por ser de contos, acho que fica ainda mais fácil terminar a leitura, ou ir intercalando com outras leituras… enfim…

  51. Raniely Costa disse:

    Muitooo bom!!! fiquei curiosa para ler esse livro

  52. Júlio César disse:

    Ótima resenha, adorei!

  53. Paty disse:

    Amando este blog e participando do sorteio. beijos

  54. Alê Periard disse:

    Duda, comecei a me interessar mais pelo autor depois que li e assisti a sua resenha, tô louca para ler este livro!!
    Adoro livro de contos, então, tenho certeza que vou amar esse, pois a temática é super inteligente, interessante e provocativa.
    Pelo que pude entender, os robôs reproduzem muitos conflitos que temos, e com isso o autor promove a reflexão.
    Bj

    • Eduarda Menezes disse:

      O Asimov é mestre em promover uma boa reflexão sobre a natureza humana e robótica nos seus textos. É incrível, espero que goste 😉

  55. Maria Tayná disse:

    Nunca li nada q envolvesse robôs. Será uma nova experiência. Quero muito ler esse livro, parece muito interessante.

  56. roniel disse:

    oi tudo bem? sou roni e venho visitar por acaso encontrado sua pagina. legal. tou estudando sobre robotica, mas de uma forma diferente, do meu modo. kkkkk. pretendo criar um assim que puder, estudo desde 2010 sobre o ramo e descobri muita coisa a respeito. vou ver as condições de desenvolver algo sinistro em uma maquina robotica. Descobri muita coisa a respeito do funcionamento do celebro e como desenvolver isso em maquinas. bom, nao falo tanto sobre isso ao publico, mas estou aqui né! sou brasileiro do maranhão. ja fiz muitas outras coisas como arte, dei aula disso, e fiz revistas em quadrinhos também com personagens que criei. espero que neste ramo cientifico eu consiga muita coisa a respeito na area da robotica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *