MENU

by • fevereiro 26, 2017 • Dicas, FilmesComments (1)5984

Oscar: livros que inspiraram filmes premiados

Para quem gosta de ler, a categoria de Roteiro Adaptado na premiação do Oscar é recheada de dicas! Boa parte dos concorrentes são filmes inspirados em livros (lembrando que há também peças, roteiros, etc). Contei em vídeo os livros que já li e preparei uma lista de sugestões com dicas duplas: livros e filmes consagrados! Confira abaixo a lista completa com intenções e sugestões de leitura:

MULHERZINHAS, de Louise May Alcott
Livro: 1868
Filme: 1933

Comprar na Amazon

Sobre: Nascida em 1832, na Pensilvânia, Estados Unidos da América do Norte, Louise May Alcott sonhava ser atriz, mas tornou-se escritora. Inspirou-se nas próprias experiências para escrever suas histórias. Foi educada pelo pai, o filósofo e educador Amos Bronson Alcott, tendo a oportunidade de conviver com intelectuais do círculo do pai, como Thoureau e Emerson. Em Mulherzinhas (1868), a autora apresenta o retrato de uma família de classe média norte-americana do seu tempo, salientado os seus valores morais: civismo e amor à pátria, que chega ao sacrifício de seus filhos, dedicação extrema ao lar e ao próximo.

O HOMEM MAGRO, de Dashiell Hammett
Livro: 1934
Filme: 1934

Comprar na Amazon

Sobre: Nick Charles é um ex-detetive particular que largou a profissão para cuidar da fortuna herdada pela esposa, Nora. Em visita a Nova York, o casal se vê envolvido no mistério que cerca o desaparecimento de um inventor e o assassinato de sua secretária. O inventor, Clyde Wynant – um homem rico, muito magro e com fama de doido -, já havia sido cliente de Nick, e todos, inclusive a polícia, acham que o ex-detetive veio à cidade a pedido dele, para cuidar do crime. Em plena Depressão e na vigência da Lei Seca, Nick e Nora desfrutam de uma irresistível aura de glamour e riqueza. Seus diálogos são uma coleção de tiradas espirituosas e sutilezas românticas, regadas a muitos drinques. Ninguém na verdade ignora onde ficam os bares clandestinos – e esse mundo de fachada é o cenário perfeito para o diabólico jogo de astúcia em que o autor enreda o ex-detetive, a polícia, os suspeitos e, naturalmente, o leitor. Um clássico do gênero policial.

O FALCÃO MALTÊS, de Dashiell Hammett
Livro: 1932
Filme: 1941

Comprar na Amazon

Sobre: O enredo do romance policial mais famoso do século XX gira em torno de uma relíquia medieval valiosíssima – a estatueta de um falcão – que é levada em sigilo desde o Oriente até a cidade de San Francisco, na Califórnia. Em seu rastro seguem aventureiros gananciosos que fazem de tudo para possuí-la. O detetive particular Sam Spade entra nessa batalha quando seu sócio é assassinado depois de se envolver com uma jovem sedutora e esperta. Imune a ilusões sentimentais, habituado a lidar com gângsteres e policiais corruptos, Spade arma um jogo sutil de alianças e traições, decidido a sair vencedor. Preserva noções elementares de justiça, mas está disposto a ir até o limite.Ao publicar O falcão maltês (1932), Dashiell Hammett transformou as histórias policiais de uma vez por todas. Em 1941, John Huston transformou O falcão maltês num filme igualmente célebre: Relíquia macabra , que consagrou Humphrey Bogart no papel de Sam Spade. 

E O VENTO LEVOU, de Margareth Mitchell
Livro: 1936
Filme: 1939

Comprar na Amazon

Sobre: E o vento levou, de Margaret Mitchell, traz a impressionante história da bela Scarlett O’Hara e de sua transformação de jovem impetuosa e mimada em mulher prática e disposta a tudo para conseguir o que deseja. Frustrada por não conseguir se casar com Ashley Wilkes, Scarlett acaba se envolvendo com o charmoso aventureiro Rhett Butler, com quem viverá uma das histórias de amor mais célebres e conturbadas da literatura. Mitchell descreve de maneira impressionante a Guerra Civil norte-americana e retrata as grandes mudanças que pavimentaram a história dos Estados Unidos e enterraram para sempre um estilo de vida.

AS VINHAS DA IRA, de John Steinback
Livro: 1939
Filme: 1940

Comprar na Amazon

Sobre: O clássico que valeu o Prêmio Pulitzer a John Steinbeck permanece como um dos arquétipos da cultura norte-americana. Agraciado também com o Nobel de Literatura, o autor retratou o homem moderno diante das dificuldades, a pobreza e a privação em um universo hostil, protagonizado por vítimas da competição e párias sociais. Este livro representa o confronto entre indivíduo e sociedade, através da epopéia da família Joad, expulsa pela seca dos campos de algodão de Oklahoma, para tentar a sobrevivência como bóias-frias nas plantações de frutas do Vale de Salinas, na Califórnia. Ao mesmo tempo que denuncia os dramas e flagelos de um país debilitado pela Grande Depressão dos anos 30, Steinbeck defende o conceito de que o indivíduo isolado nada vale, e a sobrevivência só é possível quando existe solidariedade entre os semelhantes. Vencedor de dois Oscar, a adaptação para o cinema foi feita por John Ford em 1940, com Henry Fonda no papel de Tom Joad. 

A TREE GROWS IN BROOKLYN, de Betty Smith
Livro: 1943
Filme: 1945

Comprar na Amazon

Sobre: The American classic about a young girl’s coming of age at the turn of the century.
“A profoundly moving novel, and an honest and true one. It cuts right to the heart of life…If you miss A Tree Grows in Brooklyn you will deny yourself a rich experience…It is a poignant and deeply understanding story of childhood and family relationships. The Nolans lived in the Williamsburg slums of Brooklyn from 1902 until 1919…Their daughter Francie and their son Neely knew more than their fair share of the privations and sufferings that are the lot of a great city’s poor. Primarily this is Francie’s book. She is a superb feat of characterization, an imaginative, alert, resourceful child. And Francie’s growing up and beginnings of wisdom are the substance of A Tree Grows in Brooklyn.” –New York Times 

OS ASSASSINOS (conto do livro Men Without Women), de Ernest Hemingway
Livro: 1927
Filme: 1946

Comprar na Amazon

Sobre: First published in 1927, Men Without Women represents some of Hemingway’s most important and compelling early writing. In these fourteen stories, Hemingway begins to examine the themes that would occupy his later works: the casualties of war, the often uneasy relationship between men and women, sport and sportsmanship. In “Banal Story,” Hemingway offers a lasting tribute to the famed matador Maera. “In Another Country” tells of an Italian major recovering from war wounds as he mourns the untimely death of his wife. “The Killers” is the hard-edged story about two Chicago gunmen and their potential victim. Nick Adams makes an appearance in “Ten Indians,” in which he is presumably betrayed by his Indian girlfriend, Prudence. And “Hills Like White Elephants” is a young couple’s subtle, heart-wrenching discussion of abortion. Pared down, gritty, and subtly expressive, these stories show the young Hemingway emerging as America’s finest short story writer. 

GRANDES ESPERANÇAS, de Charles Dickens
Livro: 1861
Filme: 1947

Comprar na Amazon

Sobre: Se Charles John Huffman Dickens (1812-1870) foi um escritor irônico e contundente, com Grandes esperanças provou-se capaz também de ser contido e reflexivo, ao produzir o seu último romance. O livro mostra Dickens no auge da forma, produzindo uma história de desilusão que mais tarde seria saudada por autores como George Bernard Shaw e G. K. Chesterton pela perfeição narrativa. A grande característica de Grandes esperanças é ser uma história de redenção moral do protagonista, Pip, um órfão criado rigidamente pela irmã num lar humilde e disfuncional, que, após herdar inesperadamente uma fortuna, rejeita a família e os amigos por se envergonhar da própria origem. 

A VOLTA AO MUNDO EM 80 DIAS, de Jules Verne
Livro: 1873 
Filme: 1956

Comprar na Amazon

Sobre: Londres, 1872. Ao sentir-se desafiado por seus companheiros de clube, o gentleman inglês Phileas Fogg aposta que é capaz de dar a volta ao mundo em apenas 80 dias, arriscando todo o seu dinheiro. Homem misterioso, de poucas palavras e rotina inabalável, Fogg inicia a viagem no mesmo dia, levando consigo apenas seu empregado recém-contratado, o francês Jean Passepartout, e uma bolsa. A volta ao mundo em 80 dias é uma incrível aventura pelos mais diversos locais, culturas e situações. De Londres a Yokohama e de lá para Nova York, passando por Bombaim, Hong Kong, São Francisco e outras, em barcos, trens, elefante e trenó a vela, Verne leva nossos heróis – aos quais se juntarão o inspetor Fix e a deslumbrante Ms. Alda – a enfrentar tempestades marítimas, fanáticos religiosos, sabotagens e ataques de índios e de lobos famintos. 

A PONTE DO RIO KWAI, de Pierre Boulle
Livro: 1952
Filme: 1957

Comprar na Amazon

Sobre: 1942: Boldly advancing through Asia, the Japanese need a train route from Burma going north. In a prison camp, British POWs are forced into labor. The bridge they build will become a symbol of service and survival to one prisoner, Colonel Nicholson, a proud perfectionist. Pitted against the warden, Colonel Saito, Nicholson will nevertheless, out of a distorted sense of duty, aid his enemy. While on the outside, as the Allies race to destroy the bridge, Nicholson must decide which will be the first casualty: his patriotism or his pride.

LOLITA, de Vladimir Nabokov
Livro: 1955
Filme: 1962

Comprar na Amazon

Sobre: Lolita é um dos mais importantes romances do século XX. Polêmico, irônico, tocante, narra o amor obsessivo de Humbert Humbert, um cínico intelectual de meia-idade, por Dolores Haze, Lolita, 12 anos, uma ninfeta que inflama suas loucuras e seus desejos mais agudos. A obra-prima de Nabokov, agora em nova tradução, não é apenas uma assombrosa história de paixão e ruína. É também uma viagem de redescoberta pela América; é a exploração da linguagem e de seus matizes; é uma mostra da arte narrativa em seu auge.

DOUTOR JIVAGO, de Boris Pasternak
Livro: 1957
Filme: 1965

Comprar na Amazon

Sobre: Boris Pasternak reconstitui parte da história moderna da Rússia ao narrar o drama vivido pelo médico e poeta Iúri Jivago. que foi preso pelos bolcheviques e obrigado a colaborar com eles. Criado durante a Primeira Guerra Mundial. incapaz de controlar seu destino diante da revolução e da guerra civil entre o Exército Branco e o Vermelho. Iúri Jivago firmou-se como um dos grandes heróis da literatura russa. Os originais de Doutor Jivago. contrabandeados para a Itália. foram publicados pelo editor Giangiacomo Feltrinelli. integrante do Partido Comunista Italiano. em 1957. Pasternak. ganhador do Prêmio Nobel de Literatura do ano seguinte. foi obrigado a renunciar à premiação por pressão do governo soviético. A editora italiana conquistou direitos autorais para Pasternak em todo o mundo. exceto na antiga União Soviética. onde o romance só foi lançado em 1989. tornando-se um best seller. Comprar na Amazon

O COLECIONADOR, de John Fowles
Livro: 1963
Filme: 1965

Comprar na Amazon

Sobre: John Fowles’s classic story of possession, obsession and love is considered one of the great works in modern literature. Frederick Clegg appears to be an ordinary, slightly shabby clerk. Winning a fortune in the lottery he buys a remote country house, and goes about furnishing it with everything he thinks a beautiful woman could desire. He then abducts a girl he has worshiped from afar, imprisoning her in the cellar amid his butterfly collection with tragic, electrifying results.

A SANGUE FRIO, de Truman Capote
Livro: 1966
Filme: 1967

Comprar na Amazon

Sobre: O americano Truman Capote foi um escritor versátil: produziu textos de qualidade em vários gêneros (contos, peças, reportagens, adaptações para TV e roteiros para filmes). Mas sua grande obra foi o romance-reportagem A sangue frio, que conta a história da morte de toda a família Clutter, em Holcomb, Kansas, e dos autores da chacina. Capote decidiu escrever sobre o assunto ao ler no jornal a notícia do assassinato da família, em 1959. Quase seis anos depois, em 1965, a história foi publicada em quatro partes na revista The New Yorker. Além de narrar o extermínio do fazendeiro Herbert Clutter, de sua esposa Bonnie e dos filhos Nancy e Kenyon – uma típica família americana dos anos 50, pacata e integrada à comunidade -, o livro reconstitui a trajetória dos assassinos.

OLIVER TWIST, de Charles Dickens
Livro: 1830
Filme: 1968

Comprar na Amazon

Sobre: Oliver Twist, um dos maiores clássicos da literatura inglesa, foi publicado originalmente em forma de capítulos seriados, nos anos 1830. Isso explica a história ser cheia de “ganchos”, ou situações de suspense, que se resolvem no capítulo seguinte. O resultado é um livro dramático, baseado na dura infância do autor, repleto de ação, emoção e peripécias, que envolvem o pequeno órfão Oliver Twist, e também o leitor. Sua estrutura narrativa permitiu que seu primeiro tradutor brasileiro, ninguém menos que Machado de Assis, publicasse sua tradução também em capítulos seriados, nos anos 1870. Machado, porém, não completou o trabalho; ele foi então completado, especialmente para esta edição, por Ricardo Lísias, seguindo, ao mesmo tempo, os estilos de Dickens e de Machado.

LARANJA MECÂNICA, de Anthony Burgess
Livro: 1962
Filme: 1971

Comprar na Amazon

Sobre: Clássico eterno da ficção inglesa, Laranja Mecânica é um verdadeiro marco na história da cultura pop e da literatura distópica, fascinando e desconcertando leitores desde seu lançamento, em 1962. A história de Alex, membro de uma violenta gangue de adolescentes que sai às ruas buscando divertimento de uma maneira um tanto controversa, incita profundas reflexões sobre temas atemporais, como o conceito de liberdade, a violência – seja ela social, física ou psicológica – e os limites da relação entre o Estado e o indivíduo.

FRANKENSTEIN, de Mary Shelley
Livro: 1818
Filme: 1974

Comprar na Amazon

Sobre: Duzentos anos após sua criação, Frankenstein continua vivo – e mais atual do que nunca. Conheça a história original, com toda a sensibilidade e o terror que o cinema nunca conseguiu mostrar. Um cientista obcecado que desafia as leis da natureza e põe em risco a vida daqueles que ama. Uma criatura quase humana que deseja ser um de nós, mas só encontra medo, ódio e morte pelo caminho. A obra-prima de Mary Shelley que deu origem ao terror moderno está de volta, numa edição monstruosa como só a DarkSide Books poderia lançar: capa dura, tradução primorosa, ilustrações inéditas do artista brasileiro Pedro Franz, além de quatro contos extras que versam sobre o mesmo tema do romance.

O CORAÇÃO DAS TREVAS, de Joseph Conrad
Livro: 1899
Filme: 1979 (Apocalypse Now)

Comprar na Amazon

Sobre: A história trata das experiências do aventureiro Charles Marlow, um inglês que obteve uma posição junto a uma companhia de comércio belga como capitão de um barco fluvial a vapor nos territórios das colônias da África. Marlow é contratado para transportar marfim através do rio Congo, no entanto, a sua tarefa mais urgente é procurar e descobrir o paradeiro do senhor Kurtz, um dos mais famosos administradores dos entrepostos da colônia, cujo paradeiro é ignorado por todos. Marlow conta a um grupo de amigos, a bordo de um navio ancorado no estuário do rio Tâmisa, desde o anoitecer até o nascer do sol do dia seguinte, sua aventura congolesa.

TARZAN, de Edgar Rice Burroughs
Livro: 1912
Filme: 1984

Comprar na Amazon

Sobre: Nascido na floresta, órfão com apenas um ano de idade, o pequeno lorde Greystoke é adotado e criado por uma antropoide, que o transforma em Tarzan – o homem-macaco, ágil, forte, poderoso guerreiro, líder de seu bando e rei da selva. Mas tendo contato com a espécie humana, sobretudo com membros de uma expedição americana, dentre eles a bela Jane, o herói se transforma. Será que o amor e suas origens como lorde Greystoke irão sobrepujar uma vida inteira como Tarzan? Pode um homem selvagem resistir ao chamado da floresta? Inclui 40 ilustrações de Hal Foster, autor da clássica adaptação de Tarzan para os quadrinhos nos anos 1920. E ainda apresentação, notas e cronologia de vida e obra de Burroughs.

A COR PÚRPURA, de Alice Walker
Livro: 1982
Filme: 1984

Comprar na Amazon

Sobre: Um dos mais importantes títulos de toda a história da literatura, inspiração para a aclamada obra cinematográfica homônima dirigida por Steven Spielberg, o romance A cor púrpura retrata a dura vida de Celie, uma mulher negra do sul dos Estados Unidos da primeira metade do século XX. Pobre e praticamente analfabeta, Celie foi abusada, física e psicologicamente, desde a infância pelo padrasto e depois pelo marido. Um universo delicado, no entanto, é construído a partir das cartas que Celie escreve e das experiências de amizade e amor, sobretudo com a inesquecível Shug Avery. Apesar da dramaticidade de seu enredo, A cor púrpura se mostra extremamente atual e nos faz refletir sobre as relações de amor, ódio e poder, em uma sociedade ainda marcada pelas desigualdades de gênero, etnia e classes sociais.

O CORPO e UM SONHO DE LIBERDADE (contos do livro Quatro Estações), de Stephen King
Livro: 1983
Filme: 1986 (O Corpo/Conta Comigo) | 1994 (Rita Hayworth e a redenção de Shawshank/Um Sonho de Liberdade)

Comprar na Amazon

Sobre: Publicado originalmente em 1983, Quatro estações revela uma outra faceta do mestre do suspense. São quatro histórias bem diferentes do universo habitual de Stephen King, em que o autor constrói narrativas baseadas no dia-a-dia de personagens comuns e mostra sua habilidade em criar demônios sob uma nova perspectiva: eles aparecem de modo subliminar, povoando a natureza humana. Em Quatro estações, King, o mestre do terror americano, se distancia do sobrenatural e mergulha no cotidiano de pessoas normais, comprovando mais uma vez seu talento como um dos melhores ficcionistas da literatura contemporânea.

OS MORTOS, de James Joyce
Livro: 1914
Filme: 1987

Comprar na Amazon

Sobre: Os mortos é uma história de Natal. De música, dança e mesa farta. É uma história sobre os laços de família e de amizade. Suas bênçãos e suas danações. Suas alegrias e seus estorvos. Seus prazeres e suas desgraças. É também uma história de amor: uma história de amores. Das recordações de um amor do passado: fugaz, longínquo e perdido. Das lembranças dos momentos de ternura e afeto de uma vida em comum: banais e instantâneos. E contudo: singulares e eternos. É a história de um desejo mortal de posse e intimidade. Mas também de frustração, fúria e fracasso. De aproximação e fuga, de ataque e rendição. Os mortos é uma história sobre os vivos. E sobre os que vão morrer. E os que já morreram. É uma história sobre a morte. E sobre os vivos e os mortos. É uma história sobre a vida.

O TURISTA ACIDENTAL, de Anne Tyler
Livro: 1985
Filme: 1988

Comprar na Amazon

Sobre: Aqui conhecemos Macon Leary, um metódico escritor de guias de viagem. Mas o que para muitos poderia parecer a profissão dos sonhos, para ele não passa de obrigação: Macon detesta viajar. O turista acidental, a série de livros que ajuda homens de negócios a viajar fazendo de conta que jamais saíram de casa – dando dicas de como evitar situações de convivência social e como conseguir o ambiente mais familiar possível –, o obriga a enfadonhas visitas relâmpago aos destinos mais interessantes do mundo. A vida pacata que leva com a esposa, Sarah, sem surpresas ou mudanças na rotina, é abalada pelo assassinato de Ethan, o filho de 12 anos, atingido por um tiro ao sair de uma lanchonete. Devastados pela tragédia, Macon entra num estado depressivo profundo, Sarah não consegue lidar com o comportamento frio do marido diante da realidade e o casamento desmorona.

LIGAÇÕES PERIGOSAS, de Choderlos de Laclos
Livro: 1782
Filme: 1988

Comprar na Amazon

Sobre: Durante alguns meses, um grupo peculiar da nobreza francesa troca cartas secretamente. No centro da intriga está o libertino visconde de Valmont, que tenta conquistar a presidenta de Tourvel, e a dissimulada marquesa de Merteuil, suposta confidente da jovem Cécile, a quem ela tenta convencer a se entregar a outro homem antes de se casar. Lanç

ado com grande sucesso na época, As relações perigosas teve vinte edições esgotadas apenas no primeiro ano de sua publicação.

A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DO SER, de Milan Kundera
Livro: 1982
Filme: 1988

Comprar na Amazon

Sobre: Sobre este romance, Italo Calvino escreveu: “O peso da vida, para Kundera, está em toda forma de opressão. O romance nos mostra como, na vida, tudo aquilo que escolhemos e apreciamos pela leveza acaba bem cedo se revelando de um peso insustentável. Apenas, talvez, a vivacidade e a mobilidade da inteligência escapam à condenação – as qualidades de que se compõe o romance e que pertencem a um universo que não é mais aquele do viver” (Seis propostas para o próximo milênio). O livro, de 1982, tem quatro protagonistas: Tereza e Tomas, Sabina e Franz. Por força de suas escolhas ou por interferência do acaso, cada um deles experimenta, à sua maneira, o peso insustentável que baliza a vida, esse permanente exercício de reconhecer a opressão e de tentar amenizá-la. Comprar na Amazon

DANÇA COM LOBOS, de Michael Blake
Livro: 1998
Filme: 1990

Comprar na Amazon

Sobre: Set in 1863, the novel follows Lieutenant John Dunbar on a magical journey from the ravages of the Civil War to the far reaches of the imperiled American frontier, a frontier he naively wants to see “before it is gone”. His posting to a desolate and deserted outpost is the springboard for contact with the lords of the southern plains… the Comanche. Though he does not speak their language, has no know-ledge of their customs, and is considered a trespasser, Lieutenant Dunbar finds himself intrigued by the exotic and alien culture of the buffalo-hunting people of the plains. A simple desire to know more about his wild neighbors ignites a great adventure of transformation that culminates with the emergence of a different kind of man… a man called Dances With Wolves. 

O SILÊNCIO DOS INOCENTES, de Thomas Harrison
Livro: 1988
Filme: 1991

Comprar na Amazon

Sobre: “Thriller psicológico brilhantemente construído.” Associated Press “A trama de suspense é muito bem estruturada por Harris até o clímax.” The Washington Post Cinco mulheres são brutalmente assassinadas em diferentes localidades dos Estados Unidos. Para chegar até o sanguinário assassino. a jovem agente do FBI. Clarice Starling. entrevista o ardiloso psiquiatra Hannibal Lecter. cuja mente psicopata está perigosamente voltada para o crime. Ao seguir as pistas apontadas pelo Dr. Lecter. Clarice envolve-se em uma teia mortífera surpreendente. O texto de Thomas Harris é arrepiante.

A LISTA DE SCHINDLER, de Thomas Keneally
Livro: 1982
Filme: 1993

Comprar na Amazon

Sobre: Durante a Segunda Guerra Mundial, enquanto o regime nazista enviava milhares de prisioneiros aos fornos de Auschwitz, o industrial alemão Oskar Schindler abrigava centenas de judeus em sua fábrica, de onde ele finalmente os transferia em segurança para a Tchecoslováquia. Um lugar na lista de Schindler significava a única chance de sobrevivência para um prisioneiro judeu. Oskar Schindler, o herói do Holocausto, é retratado de modo inédito e comovente pelo romancista Thomas Keneally, que passou dois anos entrevistando sobreviventes beneficiados por Schindler em sete países: Austrália, Israel, Alemanha Ocidental, Áustria, Estados Unidos, Argentina e Brasil. Escrito com paixão, mas também com absoluta fidelidade aos fatos, o autor realizou uma espantosa recriação de um episódio histórico, narrado com toda a ênfase de uma ficção.

O PACIENTE INGLÊS, de Michael Ondaatje
Livro: 1992
Filme: 1996

Comprar na Amazon

Sobre: No final da Segunda Guerra Mundial, numa villa abandonada na Itália, quatro pessoas vivem um encontro inusitado: uma jovem enfermeira cuja vida foi devastada pela guerra; um inglês desconhecido e moribundo, sobrevivente de um desastre de avião; um ladrão cujas “habilidades” acabaram por fazer dele um herói de guerra; e um soldado indiano especialista em desmonte de bombas, a quem três anos de guerra ensinaram que “a única segurança está em si mesmo”. O livro revela os caminhos e detalhes de quatro vidas capturadas e modificadas e agora inextricavelmente ligadas pelas circunstâncias brutais e improváveis da guerra.

À ESPERA DE UM MILAGRE, de Stephen King
Livro: 1996
Filme: 1999

Comprar na Amazon

Sobre: Stephen King foi buscar no lado mais sombrio de sua imaginação a história assombrosa de John Coffey, condenado à morte, e seu encontro fatal com o carcereiro Paul Edgecombe. Originalmente publicado em seis partes, com o título de “O Corredor da Morte”, o romance é agora lançado em volume único: “À Espera de um Milagre”. Assim compôs esta narrativa impressionante sobre o período em que os detentos no corredor da morte aguardam o desfecho de suas vidas no colo da “Velha Fagulha” ou “Carga Pesada” –como eles chamam a cadeira elétrica, na esperança de assim, com essa pretensa piada, diminuir o pavor da execução.

O TALENTOSO RIPLEY, de Patricia Highsmith
Livro: 1955
Filme: 1999

Comprar na Amazon

Sobre: Tom Ripley sobrevive de trambiques em Nova York. Ele é especialista em forjar documentos, além de ter um talento extraordinário para imitar personalidades e características pessoais. Vive tentando escapar das investidas da polícia nova–iorquina, enquanto sonha com uma vida fácil. Certo dia, o milionário senhor Greenleaf o procura, supondo que Ripley seja um grande amigo de seu filho Dickie. Greenleaf lhe oferece uma viagem à Europa para tentar trazer Dickie de volta aos Estados Unidos – o rapaz leva uma vida mansa no litoral italiano, longe da família. Ripley aceita a missão e começa a fazer planos de como aproveitar a viagem e se dar bem na Europa. Na Itália, encontra Dickie e a vizinha Marge, com quem vai estabelecer um triângulo de amizade. Dickie alimenta a ambição de se tornar pintor e Marge, apaixonada por ele, está às voltas com a escrita de seu primeiro romance. Aos poucos, Ripley desenvolve uma relação doentia e sedutora com o novo amigo: adota os mesmos gostos e começa a usar as roupas de Dickie, que passa então a rejeitá-lo. Acuado, Ripley reage de forma imprevisível. O talentoso Ripley (1955) é um clássico da literatura policial. 

TRILOGIA O SENHOR DOS ANÉIS, de J. R. R. Tolkien
Livro: 1954
Filme: 2001 e 20013 (Concorreu ao Oscar o 1º e 3º filme)

Comprar na Amazon

Sobre: Este livro reúne em um único volume as três partes da trilogia O Senhor dos Anéis, que já vendeu milhões de cópias em todo o mundo e continua encantando pessoas de todas as idades. A Sociedade do Anel, As duas torres, O retorno do rei, respectivamente primeiro, segundo e terceiro volme em dose única para os aficionados por Tolkien, ou simplesmente para os que mergulham pela primeira vez num emaranhado de acontecimentos improváveis, mas absolutamente convincente em seus detalhes.. 

AS HORAS, de Michael Cunnigham
Livro: 1998
Filme: 2002

Comprar na Amazon

Sobre: As horas , prêmio Pulitzer de literatura de 1999, pode ser definido como a saga da consciência de três mulheres – uma real, duas fictícias – em busca de algum tipo de inserção no mundo “normal”, tendo como pano de fundo constante a presença palpável e inquietante da loucura e da morte.A personagem real, espécie de matriz iluminadora de todo o livro, é Virginia Woolf, cujo suicídio, em 1941, é narrado de forma comovente e realista logo nas primeiras páginas. Ela, mais Laura Brown, uma dona de casa angustiada num subúrbio de Los Angeles, em 1949, e Clarissa Vaughn, editora de sucesso na Manhattan de hoje, são as protagonistas deste livro apaixonante.

O JARDINEIRO FIEL, de John Le Carre
Livro: 2001
Filme: 2005

Comprar na Amazon

Sobre: O livro narra a história de Justin e Tessa Quayle. Justin é um diplomata de carreira e jardineiro amador em Nairóbi que sai em busca dos responsáveis pelo brutal assassinato de sua mulher. Tessa. que. embora apareça morta já nas primeiras páginas. vive intensamente ao longo de toda a obra. O jardineiro fiel é o drama emocionante de um homem enobrecido pela tragédia. uma exploração magnífica do lado cruel do capitalismo conduzida magistralmente por John Le Carré e levada às telas pelo brasileiro Fernando Meirelles. 

FILHOS DA ESPERANÇA, de P. D. James
Livro: 1992
Filme: 2006

Comprar na Amazon

Sobre: The human race has become infertile, and the last generation to be born is now adult. Civilization itself is crumbling as suicide and despair become commonplace. Oxford historian Theodore Faron, apathetic toward a future without a future, spends most of his time reminiscing. Then he is approached by Julian, a bright, attractive woman who wants him to help get her an audience with his cousin, the powerful Warden of England. She and her band of unlikely revolutionaries may just awaken his desire to live . . . and they may also hold the key to survival for the human race. Told with P. D. James’s trademark suspense, insightful characterization, and riveting storytelling, The Children of Men is a story of a world with no children and no future.

O CURIOSO CASO DE BENJAMIN BUTTON, de F. Scott Fitzgerald
Livro: 1921
Filme: 2008

Comprar na Amazon

Sobre: Um dos contos mais memoráveis de Fitzgerald. Em uma introdução a “O curioso caso de Benjamin Button”, Fitzgeral descreveu que baseou esta história numa observação de Mark Twain – ele afirmava ser uma pena que a melhor parte da vida viesse logo ao começo e a pior parte ficasse para o final. Neste conto, Fitzgerald inverte esta lógica: o esperado bebê do casal Button nasce com setenta anos, 1 metro e 73 centímetros de altura, uma barba proeminente e muitos cabelos brancos. Para além do estranhamento inicial que o nascimento causa na Baltimore do século XIX, Benjamin, a cada dia que passa, fica menos enrugado, menos curvado e mais jovial. Publicado pela primeira vez na revista Collier’s, em 1921, o conto foi eternizado no cinema com a atuação de Brad Pitt, que interpreta Benjamin durante toda a vida. Este personagem que vai rejuvenescendo ao longo dos anos levanta uma das maiores questões da humanidade: como lidar com a inexorabilidade da passagem do tempo. 

BRAVURA INDÔMITA, de Charles Portis
Livro: 1968
Filme: 2010

Comprar na Amazon

Sobre: ‘Bravura indômita’ conta a história de Mattie Ross, uma menina de Dardanelle, Arkansas, que aos 14 anos decide abandonar a fazenda natal para caçar o homem que matou traiçoeiramente seu pai e roubou os seus poucos pertences. Com a ajuda de Rooster Cogburn – o mais inclemente dos agentes federais à sua disposição – e de um homem da lei texano, ela parte numa jornada em território desconhecido à procura de vingança. A jovem protagonista tem de enfrentar homens violentos e a própria inconstância de seus aliados. Sua obstinação, no entanto, tem a capacidade de enfraquecer toda e qualquer resistência ao seu redor.

O ESPIÃO QUE SABIA DEMAIS, de John Le Carre
Livro: 1974
Filme: 2011

Comprar na Amazon

Sobre: Quem espia os espiões? Na gélida Inglaterra do início dos anos 1970. em plena guerra fria e nos momentos finais da derrocada do Império britânico. George Smiley parece ser o homem certo para essa tarefa. Forçado a se aposentar do Circus — uma divisão de elite do Serviço Secreto inglês — depois do fracasso de uma missão arquitetada por seu ex-chefe. conhecido como Control. Smiley ainda tenta entender o que deu errado. Ele é convocado por um importante político a ouvir a história de Ricki Tarr — um agente durão treinado para missões no Extremo Oriente. Tarr revela seu encontro. em Hong Kong. com uma agente soviética desiludida com a vida de espiã e decidida a desertar. Enquanto tenta contatar o serviço inglês. a mulher desaparece. mas deixa um diário no qual revela que há um agente duplo infiltrado no alto escalão do Circus. Smiley não tem dúvidas de que a história é verdadeira e que esse agente pode ter sido responsável pelo fracasso de diversas operações. inclusive a que o afastou do serviço secreto. e também pelo constante vazamento de informações para os soviéticos. Sua missão agora é encontrá-lo e destruí-lo. 

AS AVENTURAS DE PI, de Yann Martel
Livro: 2001
Filme: 2012

Comprar na Amazon

Sobre: A vida é capaz de pregar cada peça…! Tomemos o exemplo de Piscine Molitor Patel, também conhecido como Pi (sim, isso mesmo, igual a 3,14). Um menino indiano de dezesseis anos, filho do dono de um zoológico, vegetariano e… bom… hindu, cristão e muçulmano. Muito bem; pois esse jovenzinho absolutamente normal será lançado numa das maiores aventuras já idealizadas pelo homem moderno, uma luta pela sobrevivência em meio à natureza selvagem e imprevisível do Pacífico. 

ALAN TURING: THE ENIGMA, de Andrew Hodges
Livro: 1983
Filme: 2014

Comprar na Amazon

Sobre: Alan Turing was the mathematician whose cipher-cracking transformed the Second World War. Taken on by British Intelligence in 1938, as a shy young Cambridge don, he combined brilliant logic with a flair for engineering. In 1940 his machines were breaking the Enigma-enciphered messages of Nazi Germany’s air force. He then headed the penetration of the super-secure U-boat communications.  But his vision went far beyond this achievement. Before the war he had invented the concept of the universal machine, and in 1945 he turned this into the first design for a digital computer.

QUARTO, de Emma Donoghue
Livro: 2010
Filme: 2015

Comprar na Amazon

Sobre: Para Jack, um esperto menino de 5 anos, o quarto é o único mundo que conhece. É onde ele nasceu e cresceu, e onde vive com sua mãe, enquanto eles aprendem, leem, comem, dormem e brincam. À noite, sua mãe o fecha em segurança no guarda-roupa, onde ele deve estar dormindo quando o velho Nick vem visitá-la. O quarto é a casa de Jack, mas, para sua mãe, é a prisão onde o velho Nick a mantém há sete anos. Com determinação, criatividade e um imenso amor maternal, a mãe criou ali uma vida para Jack. Mas ela sabe que isso não é suficiente, para nenhum dos dois. Então, ela elabora um ousado plano de fuga, que conta com a bravura de seu filho e com uma boa dose de sorte. O que ela não percebe, porém, é como está despreparada para fazer o plano funcionar.

ESTRELAS ALÉM DO TEMPO, de Margot Lee Shetterly
Livro: 2016
Filme: 2016

Comprar na Amazon

Sobre: Durante a Segunda Guerra Mundial, a incipiente indústria aeronáutica americana contratou matemáticas negras para suprir sua falta de mão de obra. Essas mulheres, conhecidas como “computadores humanos”, continuaram trabalhando para o governo e passaram a fazer parte da NASA em uma época em que vingava a segregação racial. Elas garantiram que os Estados Unidos ganhassem a corrida espacial contra a União Soviética e lutaram para realizar o sonho americano. 

Mais dicas? Aqui no vídeo ó ♥


Veja também:

Lista completa com todos os indicados ao prêmio de melhor roteiro adaptado (em inglês)

Dicas de um jovem idealista: a biblioteca de Chris McCandless, de Na Natureza Selvagem

Related Posts

One Response to Oscar: livros que inspiraram filmes premiados

  1. eu já assisti a cor púrpura e também sou louca pra ler!
    E o vento levou é um filme que sou apaixonada desde novinha, e também sou louca pra ler!
    DOUTOR JIVAGO escutei recentemente na tv e me chamou atenção e agora louca pra ler!
    Laranja mecânica foi minha última compra, deve chegar em março, ansiosa pra ler!
    beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *